terça-feira, 20 de março de 2012

Dicas para você contar histórias 2 - Atitudes e Técnicas para o sucesso da história

   Boa Tarde Pessoal,

       Continuando o post anterior sobre dicas para se contar histórias...


Atitudes e Técnicas para o sucesso da história

Gostar da História

     Tudo que se faz com prazer tem bom resultado. Dentro do seu grupo de catequistas, é necessário identificar quem aprecia determinado gênero de narrativa.Umas pessoas gostam de contar histórias de animais, outras preferem contar histórias de fadas, de personagens humanas etc. É preciso escolher a pessoa que melhor se identifique com o clima e o gênero de narrativa, para que ela comunique a mensagem com mais vivacidade.

Estudar a história

Silenciosamente

    Se você vai contar uma história, faça antes uma leitura silenciosa, e aproveite para conhecer os personagens e colocar a imaginação para fora: Como seria a voz deste e daquele personagem? Qual a música que melhor representaria esse lugar? Que sons tem o contexto em que acontece a cena? Depois, pergunte-se em que momentos os participantes poderão interagir com a narrativa. Em seguida, crie movimentos e sons para que eles possam imitar, como se fizessem parte do texto.

   Vontemos à narrativa da entrada de Jesus em Jerusalém.
   
   Os catequizandos poderão interagir, imitando o som de um jumentinho. A um sinal estabelecido, o grupo poderá dizer: É Jesus! Há dois momentos da história em que a multidão grita forte o nome do Senhor. As crianças poderão aclamar: "É Jesus!" e, em seguida, o contador pode completar: "o profeta de Nazaré da Galiléia" e depois " o nosso Deus Salvador".
 
   Ao contar essa história pode-se providenciar ramos para que as crianças representem o momento em que a multidão os espalhou pelo caminho onde Jesus ia passando.

Oralmente

   Após a leitura silenciosa, volte a ler o texto em voz alta. Essa é a hora em que você constrói o "contar", talvez seja o momento mais importante. O conteúdo, que já se encontra na mente, é exteriorizado, com liberdade e criatividade, colocando em ação todos os seus dons e talentos para comunicar. Sua voz dá vida à história, o ritmo da narrativa é marcado pela entonação, pelas pausas que você faz. enfim por todo potencia de som com o qual você possa presentear o texto.

Em frente ao espelho

    O espelho é um excelente juiz, nele você vê a imagem que a platéia terá de sua apresentação. Ao contar histórias em frente ao espelho, será mais fácil corrigir gesticulações desnecessárias, ter uma postura adequada e criar expressões faciais conforme pedem cada personagem. Esse exercício é muito importante também para o autoconhecimento e a auto-estima. Quando nos sentimos bem, tornamo-nos mais seguros de nossa capacidade e podemos enfrentar qualquer desafio!



* Trecho extraído do livro: Bellini, Rogério. Dinâmicas para contar histórias. Editora Paulinas.

Forte abraço,
Layse

3 comentários:

  1. Boa noite querida amiga, adorei estes posts, muito interessantes, com certeza estas dicas me serão muito úteis, já que em meus encontros uso muito a linguagem oral e gestual, contar história é comigo mesma e pra isso, nós catequistas, precisamos sempre estarmos atentos às técnicas que possam nos ajudar à prender atenção dos pequenos, que possuem pouco tempo de atenção.
    Adorei!!!!
    Beijos e fique com Deus!

    ResponderExcluir
  2. Ah, sobre aquele texto sobre São José, é um resumo de tudo que li e que também me encantei. E hoje ao visitar o blog do Prof. Felipe Aquino, me deparei com um texto maravilhoso, que fala também sobre São José, passa lá depois e me fala oque achou.
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Layse ameiestes postes obrigaa por dividir conosco.Abraços e felicidades.

    ResponderExcluir

O material aqui postado é elaborado por mim com material retirado da Internet ou enviado por e-mail . Caso você seja proprietário de alguma imagem, texto ou material e quer retirá-lo ou divulgar seu nome, por favor, entre em contato por e-mail . Terei o maior prazer em divulgar o seu material ou trabalho! e-mail: lay.mbispo@gmail.com Que o amor de Jesus Cristo esteja sempre com vocês!