segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Planejamento do Encontro - REIS

Acolhida: Oração Inicial

Motivação: Perguntar aos catequizandos se sabem o que é um Rei e qual é a sua missão. O Brasil tem Rei e quem governa o povo? Na história do povo da Bíblia, depois dos juízes, apareceram os reis. Vamos procurar compreender o que foi para o povo de Deus passar da organização de tribos para o Reinado.

Colocação do tema: Julgar
Ler 1 Sm 10, 1-21

O povo de Israel, vendo que os outros povos tinham um Rei que mandavam sobre eles, desejou também ter um Rei. Por isso pediu a um homem chamado Samuel e que era muito conhecido e respeitado no país, até considerado como um santo, que escolheste um Rei para eles.Samuel rezou para Deus manifestar sua vontade. Deus disse a Samuel: "Faça o que eles pedem, pois é a mim que rejeitam e não estão rejeitando a você. Mas avise bem a eles, com toda seriedade o que é ter um Rei."  Samuel alertou o povo com estas palavras: "O Rei tomará o que tiver de melhor em tuas propriedades, cobrará impostos, pegará os seus filhos para serem solados e eles morrerão na guerra e empobrecerá o povo para manter seu reinado."
 O povo não quis mais escutar a Samuel e disse: "Não! Queremos um Rei e, assim, nós seremos iguais a todas as nações. Nosso Rei nos julgará, sairá a nossa frente e comandará nossos combates." Samuel ouviu todas as palavras do povo e repetiu ao Senhor. E Deus respondeu: "Então faça conforme o que eles estão pedindo. Dê a eles um Rei." Deus respeita a vontade do povo. Deus dá sempre a liberdade do homem. O desejo de ter um Rei custará muito caro aos Israelitas: perderão a terra e voltarão à escravidão( Exílio da Babilônia) Querer imitar os outros que não tem outro ideal a não ser a riqueza, o poder, e os elogios: é a tentação do povo de Israel que quer ter um Rei. Nós também quando queremos apoiarmos apenas em coisas materiais que parecem não nos dar segurança, desejamos ter um "Rei" que não é o verdadeiro Deus.  Mesmo assim, Deus não abandona o seu povo. Ao lado dos Reis, Ele fará surgir homens justos que falarão em nome de Deus: são chamamos profetas.
Samuel então pediu a Deus, em oração, e o Senhor lhe ordenou que ungisse Saul, como primeiro rei, mas Saul foi infiel.
Deus então ordenou a Samuel que ungisse Davi, como rei de Israel. E Davi reinou durante 40 anos. Apesar de seus erros e fraquezas, o rei Davi procurou ser fiel a Deus e era muito piedoso. Escreveu belíssimas orações em forma de poesias, chamadas Salmos, nas quais louva a Deus e anuncia a vinda do Messias, que Deus prometera nascer de sua descendência.
Seu filho Salomão o sucedeu, mas antes pediu a Deus sabedoria para governar o povo, e foi atendido. No seu reinado foi construído o belíssimo Templo de Jerusalém.
Mas depois, Salomão e outros reis não foram fiéis a Deus e à Sua Aliança. A decadência moral e espiritual manifestava-se cada vez mais. O povo foi deixando de lado os mandamentos de Deus, uniu-se a povos estrangeiros, cometeu pecados. Então houve desunião, lutas e o reino se dividiu em reino do norte (Reino de Judá) e reino do sul (Reino de Israel).
                Os reis de Israel foram infiéis e adoraram deuses falsos, por isso foram castigados. Foram invadidos; parte do povo foi deportada para a Assíria e outra dispersada pelo mundo e suas terras povoadas por outros povos.
Alguns reis de Judá foram fiéis, outros não e em 587 a.C. Nabucodonosor, um rei Assírio, invadiu Jerusalém, destruiu seu Templo e levou o povo em cativeiro para a Babilônia.

Agir Transformador (Ação):

No Novo Testamento, Jesus vem nos mostrar que o Reino de Deus que nos leva à Libertação.  Nossa confiança deve estar sempre voltada para Deus e fazer Dele o Rei da nossa vida.
Será que estamos fazendo de Deus o Rei da nossa vida? Há outras coisas que estão reinando mais que Deus na nossa vida, na nossa família e sociedade?

Atividades: Folhinha de atividades

Jogo do Salto inteligente:

Material: Perguntas sobre o tempo dos Reis e sobre os Reis.
Objetivo geral: desenvolver a agilidade motriz, o raciocínio e a memorização.
Objetivo específico: responder corretamente à pergunta sobre uma questão determinada.
Como brincar: Em fila, cada um segurando na cintura da criança da frente.
O catequista faz uma pergunta à primeira criança de cada fila. Só ela pode responder. Se a resposta é correta, todos da fila, agarrados pela cintura dão um salto para frente. Se a fila se rompe ou se foi dado um salto com a resposta errada, aquela equipe volta ao ponto de partida. Então, o primeiro da fila passa a ser o último.Ganha o jogo a equipe que primeiro chegar à linha de chegada.
Obs. Só uma criança pode responder e elas não podem se comunicar entre si. A resposta deve ser dada em voz alta para que todos escutem.

Oração Final

Fonte: Livro do Catequista - Fé, Vida, Comunidade. Ed. Paulus

2 comentários:

  1. MAIS UM ESPETÁCULO DE PLANEJAMENTO. ONDE ARRUMA TEMPO QUERIDA DE CRIAR ESTES BELOS ENCONTROS? PRECISAMOS DE CATEQUISTAS ASSIM, ESFORÇADOS. QUE DEUS ILUMINE SEMPRE VOCÊ.

    ABRAÇO

    ResponderExcluir
  2. Muito legal! Já imaginei a meninada pulando bem alto na fila!
    E catequese, pra mim, tem que ser assim:planejada, caso contrário, é empirismo...

    ResponderExcluir

O material aqui postado é elaborado por mim com material retirado da Internet ou enviado por e-mail . Caso você seja proprietário de alguma imagem, texto ou material e quer retirá-lo ou divulgar seu nome, por favor, entre em contato por e-mail . Terei o maior prazer em divulgar o seu material ou trabalho! e-mail: lay.mbispo@gmail.com Que o amor de Jesus Cristo esteja sempre com vocês!