quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Tempos Litúrgicos - Planejamento do encontro

Acolhida: Oração pelas Vocações

Motivação (ver):

- Perguntar aos catequizandos o que é o ano? O que são os meses?
- Depois de um rápido debate, explicá-los que são estruturas criadas pelo ser humano, a fim de ajudar na oraganização do tempo, para podermos realizar as nossas tarefas.
- Falar que o ano civil tem 365 dias e 12 meses. Possui feriados, férias e festas.

- Perguntá-los se conhecem o ano da Igreja. E se o ano civil e o ano da Igreja são os mesmos?
- O ano da Igreja se chama Ano Litúrgico e nós vamos conhcê-lo agora.

Colocação do Tema (julgar):

- O Ano Litúrgico é diferente do ano civil. Este começa em 1 de janeiro e termina em 31 de dezembro. O ano litúrgico começa no último domingo de novembro, com o início do tempo do Advento e termina no 3º domingo de novembro com a Festa do Cristo Rei.

- O Ano Litúrgico tem como objetivo celebrar e atualizar todos os atos de Jesus em sua missão salvadora. Celebramos sua encarnação, nascimento, infância, adoslencência, juventude, evangelização, milagres até chegar na paixão, morte e ressurreição e glorificação.

- Falar que ano litúrgico faz parte de um ciclo, com três anos: Ano A, Ano B e Ano C.
   
    Ano A: predomina a leitura do Evangelho de São Mateus
    Ano B: predomina a leitura do Evangelho de São Marcos
    Ano C: predomina a leitura do Evangelho de São Lucas

- Falar sobre os tempos dentro do Ano Litúrgico. Para isso, sugiro a montagem de um grande circulo e dividí-lo em partes conforme o ano litúrgico e ir montando no centro da sala ou na parede, conforme a explicação de cada tempo.


Advento: Significa a vinda, o tempo de espera, chegada. É o tempo que esperamos a chegada do Salvador- Jesus. Celebramos a sua encarnação, nascimento e sua presença no meio de nós.

Quaresma: Tempo de reflexão, penitência e arrependimento, conversão e comunhão entre os irmão. Lembrando os 40 dias de Jesus no deserto e os 40 anos do povo de Israel no deserto.

Tríduo Pascal: São os três dias mais importantes de nossa vida cristã, em que celebramos a paixão, morte e Ressurreição de Jesus. Sua vitória sobre a morte e o poder das trevas.

Tempo Comum: É o maior período do ano litúrgico. Onde celebramos a vida de Jesus no seu dia-a-dia, seus ensinamentos, milagres, orações e atitudes junto ao povo que recebia suas graças.

- Explicar as cores litúrgicas através das Cores dos paramentos.

BRANCO: Simboliza a vitória, a paz, a alma pura e a alegria. É utilizado na Páscoa, no Natal, nas Festas do Senhor (exceto Paixão), de Nossa Senhora e dos Santo não-mártires. As cores prateada e dourada podem substituir o branco nos dias festivos. E a cor azul também pode ser usada nas Festas e Solenidades de Nossa Senhora.

VERMELHO: Simboliza o fogo do Amor, da caridade ou do martírio. Lembrando o Espírito Santo, é a cor de Pentecostes. Lembrando o sangue é cor usada na festa dos Santos Mártires, no Domingo da Paixão (Domingo de Ramos) e na Sexta-feira Santa.

VERDE: Simboliza a esperança. Utilizado no tempo comuns e nos dias da semana.

ROXO: Simboliza a penitência, contrição e serenidade. Usado no Advento e na Quaresma, pode também ser utilizado na Confissão e nas Missas pelos Mortos. 

PRETO: Simboliza tristeza, dor e luto. Significa o choro da Igreja diante da morte de Nosso Senhor Jesus Cristo e de seus fiéis. Pode ser utilizado na Missa pelos Mortos, nas quais utilizam-se também o roxo e o branco, para dar ênfase não à dor, mas, à Ressurreição. 

ROSA: Simboliza a alegria dentro de um tempo reservado à penitência. Pode ser utilizado no 3º domingo do Advento (Gaudete) e no 4º domingo do Advento (Laetare).


Atividades: Tarefinha

Oração Final: Livre

PRÓXIMO ENCONTRO, REUNIÃO COM OS PAIS: 20/08 às 10h.

9 comentários:

  1. Oi Layse, gostei do encontro tão bem explicadinho!

    Obriga pela presença alegre em meu blog.

    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  2. Oi Layse...
    Quanto ao seu comentário sobre a alfabetização, sobre o ensino, nem me diga...Estou com dois catequizandos com 09 anos completos e que não le, nem escreve... eles não conseguem ficar na escola e não sei se a escola estpa muito preocupada com eles... São crianças que estou tentando éncaminhá-los, mas acredita que não tem noção de tempo, nem de dia da semana... Se me encontra todo dia, todo dia pergunta: "Que dia é a caquetese" srrsrs Nem é catequese, é caquetese...rsrsr
    qunado foi ontem, catei eles no laço, porque começamos a dois encontros e eles não compareceram... Terminei o encontro e eles na rua pedindo dinheiro, chamei-os e levei eles pra dentro e dei um acderno pra cada um e colei as atividades que tinha passado aos outros... Foram embora contentes... Vamos ver se aparecem no´próximo encontro... Agora cadê um adulto para lembrá-los que é dia de catequese... E são inteligentes, pois inventam cada históriasmirabolantes pra te enrolar... Só estão precisando de alguém que os ensine a usar a inteligencia que Deus deu a eles... Que Deus me dê muita paciência e sabedoria...
    beijus
    obrigada pela visita de sempre!
    Imaculada Cintra
    ** Ah, pelo jeito vc estará em quase todos meus encontros...rsrsr com suas atividades... De onde tira tudo isso? Tem um manual que segue ou é vc quem monta todas? Curiosa eu!!!

    ResponderExcluir
  3. Muito boa a maneira como foi tratado este tema, que eu acho meio difícil, talvez por causa dos vários aspectos que envolvem a liturgia. Esta gravura ficou ótima (vou levar comígo para usar no momento oportuno). Fique com Deus!

    ResponderExcluir
  4. Oi, Layse, que bacana o que você postou. Sabia que eu dava cursos para as catequistas sobre como entender o Ano Litúrgico, pois a nossa catequese era fundamentada no método Ver- Julgar Agir? Havíamos adotado os livros para as etapas de acordo com o Ano Litúrgico e eu sempre fui da equipe de Liturgia. Fiz um lindo painel com colagem de figuras para as crianças e até os adultos entenderem melhor. Eu tenho dó de jogá-lo fora e o tenho guardado até hoje. Seu post me encheu de alegria e saudades de um lindo tempo. Agora quero agradecer por você ter aceito o meu convite de celebrar comigo o aniversário de meu blog. Obrigada pelo prestígio, pelo seu carinho! Deus te conserve sempre assim cheia de disponibilidade em doar-se ao irmão! Brigaduuuuuuuuuuuu!!!!Bjbjbj!

    ResponderExcluir
  5. LAYSE TEM SELINHO LÁ NO BLOG.BEIJUS

    ResponderExcluir
  6. Bom dia Layse, estes encontros que vc tem postado são ótimos, bem elaborados, pena que não posso dar para minhas crianças, elas nem são alfabetizadas.
    Mas se vc permitir, vou salva-las, para o ano que vem,pois for mudar de etapa.
    Beijos fica com Deus!

    ResponderExcluir
  7. Oi, Layse!!! Explicou tão fácil e simples o ano litúrgico. Adorei a postagem. Tenha um lindo final de semana.
    abçs

    ResponderExcluir
  8. HOla Layse!! Oye, te escribo porque queria saber si recibiste un email mio hace unos dias. Es sobre un gran favor que quiero pedirte, ojala me puedas ayudar.
    Xhonane

    ResponderExcluir
  9. OI LINDINHA, OBRIGADO POR PARTICIPAR DA MINHA ALEGRIA NO NIVER DA MINHA TATA. ESTA POSTAGEM ESTA MARAVILHOSA, QUE JESUS E MARIA TE CONSERVE SEMPRE ASSIM DEDICADA E ATENCIOSA. UM ABRAÇO FRATERNO E TENHA UM ABENÇOADO FINAL DE SEMANA.
    BEIJOS!!!

    ResponderExcluir

O material aqui postado é elaborado por mim com material retirado da Internet ou enviado por e-mail . Caso você seja proprietário de alguma imagem, texto ou material e quer retirá-lo ou divulgar seu nome, por favor, entre em contato por e-mail . Terei o maior prazer em divulgar o seu material ou trabalho! e-mail: lay.mbispo@gmail.com Que o amor de Jesus Cristo esteja sempre com vocês!